segunda-feira, 8 de outubro de 2012

[RESENHA] INSANIDADE SONORA VI: simplesmente insano!



Aconteceu no Domingo, dia 30 de Setembro, o “Insanidade Sonora”, evento organizado pelo produtor independente Caju Clash. Esse foi o quinto ano consecutivo que trouxe a sexta edição do festival produzido ao estilo “Faça você mesmo”. Sem apoio financeiro algum o produtor Caju Clash tenta manter viva a cena Hardcore/Punk/Thrash e similares na cidade, trazendo eventos como festival “Endorfina” que aconteceu no dia 02 de Setembro ainda esse ano, também em Planaltina.


      Por volta das 17hs, um amotado de pessoas cercavam o local onde ocorreria o evento, aguardando para prestigiar mais uma edição do Insanidade Sonora. Com um pouco de atraso devido a uma falha técnica com o som que logo foi resolvida, entrou em cena a primeira banda da noite a banda Dança da Vingança.

      A banda recém-formada, composta apenas de mulheres trouxe um Punk Rock com letras feministas e extremas, apresentando repertório direto e rápido, ao estilo do evento, ao estilo da banda. O público vibrou do começou ao fim, aquecendo o sangue e dando inicio a maré de Mosh’s, já característica em todas as edições do  Insanidade Sonora.    A segunda banda da noite foi a Jonestown Massacre, banda que começa a divulgar suas músicas nos eventos independes de Planaltina. Munidos de um repertório Hardcore de primeira linha, a banda apresentou músicas rápidas e potentes, fazendo o público se empolgar durante toda apresentação.  Após a excelente apresentação da banda Jonestown Massacre, era a vez do The Nóis, banda também de Planaltina-DF, com um repertório próprio recheado de temas políticos e sociais cantados em um Punk Rock cheio de energia, incendiando e mantendo a empolgação do público, empolgação que gerou muitos Mosh’s e muita gritaria.   

Seguindo a pauta do dia era a vez do Mosh Ataque, banda de Planaltina-GO que fez uma apresentação excelente.  Com um Thrash cheio de energia e agressividade a banda apresentou um repertório memorável com um ótimo show.  Vindos de Águas Lindas-GO era a vez da banda Dead Zone que presenteou ao público um repertório excelente, com um Thrash agressivo e potente, a banda conseguiu acalorar ainda mais o evento fazendo o público vibrar freneticamente a cada música. Para encerrar a sexta edição do Insanidade Sonora, entrou em cena a banda Podrera.


Veja o vídeo:


  Fechando com chave de ouro com uma apresentação inesquecível, o repertório Hardcore/Metal/Punk  é uma mistura que forma  um  Crossover singular, agressivo, enérgico e insano, tudo que o Insanidade Sonora precisava para marcar como histórica a sexta edição do evento.

Mais uma edição histórica do Insanidade Sonora aconteceu em Planaltina, somando novas e antigas gerações da pequena cena underground que sobrevive na cidade, inquestionável o valor do evento para esse público, para cena, para todos nos que apreciamos esse estilo de música e de vida. Nosso afetuoso agradecimento a todos que compareceram que aproveitaram ao máximo. Em especial ao produtor Caju Clash que nos brindou com excelentes eventos esse mês.



Vejam mais fotos clicando aqui.







Por Alesson Campos, 


Stay heavy, be true.

1 comentários:

Postar um comentário